Maravilha/Erva Daninha/Novoeste esteve nos Joguinhos Abertos em Curitibanos

Equipe de Tênis de Mesa participou pelo terceiro ano seguido da competição estadual.
Atletas
Entre os dias 30 de agosto e 03 de setembro, a equipe de Tênis de mesa Maravilha / Erva Daninha / Novoeste participou dos 25º Joguinhos Abertos de Santa Catarina, que aconteceram em Curitibanos, mesma cidade da primeira edição dos jogos.

Esta foi a terceira participação consecutiva da equipe maravilhense nos torneios por equipes, individual e duplas. Tiego Drumm comandou os atletas Ailton Rodrigues, Anderson Marques e Felipe Padilha.

Para a seqüência da temporada, a equipe participa da etapa estadual da Olesc, entre os dias 21 e 30 de setembro em Criciúma e da quarta etapa do Circuito Escolar Oeste, dia 13 de outubro em Pinhalzinho.

Existem competições onde o vencer não é o mais importante. O simples fato de defrontar os adversários sem medo, sem vergonha ou timidez, impondo vontade, raça, garra e determinação, são muito mais relevantes. Não é todo dia em que a história de Davi e Golias irá se repetir, mas é tentando um dia ser um novo Davi que se poderá derrubar os gigantes. Não foi desta vez, mas certamente não foi por falta de empenho e dedicação. A saída exausta de cada partida comprova que a garra esteve sempre determinante nos jogos dos maravilhenses.

Um grupo não se faz apenas com aqueles que jogam, portanto, toda a determinação e dedicação demonstrada por estes três atletas se estende àqueles que estavam a disposição da equipe, mas tiveram que ficar. Portanto, o resultado positivo da forma como os jogos foram encarados não se atribui apenas aos atletas Aiton, Anderson e Felipe, mas também à Wesley de Oliveira, Douglas May e Silvano Enck, que aceitaram se fazer representados pelos companheiros, mas que se estivessem em Curitibanos nestes dias certamente teriam tido o mesmo comprometimento.

Novas gerações virão e se espelharão naqueles que foram primeiro. Participar todos os anos destas competições é imprescindível para que os resultados venham a longo prazo. E a história do Tênis de Mesa de Maravilha já mostrou em outras competições de igual nível, que vale a pena apostar a longo prazo.

O agradecimento especial dos atletas à todos os investidores, apoiadores, incentivadores, colegas, familiares e direção e professores das escolas, os quais proporcionaram a vivência única de disputar de igual para igual de uma competição de tamanha grandeza e importância.

Fonte: Tiego Drumm – Maravilha – SC